Fechar rede
Siga-nos
Governo do Estado do Rio de Janeiro
Menu
Home Busca Menu Redes
10+
02/10/2017 10 motivos para começar a nadar

A primavera chega trazendo calor e com ela sua vontade de praticar uma atividade física aumenta? Que tal optar pela natação? O exercício faz bem para qualquer idade e é completo, já que trabalha tanto o sistema cardiorrespiratório (pulmões e brônquios) e circulatório, como a parte física, fortalecendo a musculatura. Confira as dicas e motivos listados pela Sociedade Brasileira de Ortopedia para você encarar logo a piscina:

1. Tratamento

Muitas doenças podem ser tratadas com a natação, pois o exercício propicia grande desenvolvimento da capacidade cardiovascular. Pressão alta, diabetes, asma e obesidade são alguns exemplos. Lembre-se apenas de consultar o médico antes de se matricular.

2. Fortalecimento dos músculos

A natação proporciona desenvolvimento muscular, tanto dos braços como das pernas. É um exercício completo, pois trabalha todos os músculos do corpo.

3. Ossos mais fortes

E não são só os músculos os beneficiados. Já foi comprovada por estudos que a natação aumenta a massa óssea, uma maneira de combater a osteoporose.

4. Emagrecimento

Emagrece, sim! Mas para isso acontecer é preciso encarar o exercício como esporte e, assim, haverá queima de gordura corporal. É preciso trabalhar com objetivos determinados, seja de distância ou de duração.

5. Baixo impacto

Para quem sofre com problemas nos joelhos, tornozelos, pés ou quadris, a natação é mais vantajosa do que correr ou caminhar, pois evita o impacto.

6. Perda de calorias

Estudos garantem que uma pessoa de estatura e peso medianos gasta, em média, entre 500 e 600 calorias por hora de natação. O estilo borboleta é o que mais exige do corpo, consequentemente, é o que mais emagrece, seguido do nado crawl.

7. Exercício complementar

Natação e musculação são esportes complementares. Se você já pratica musculação e resolver nadar, a musculação pode desenvolver os músculos necessários para a prática da natação. E a natação, ao melhorar a capacidade aeróbica, promove um aumento da performance na musculação.

8. Duas vezes na semana

Se você for iniciante, pode começar a praticar de duas a três vezes por semana. Na verdade, não existe uma frequência ideal, mas é necessário, pelo menos, um dia de descanso para não ocasionar lesões, principalmente nos ombros.

9. Começar aos poucos

Se você está parado e resolver iniciar na natação, não vá querer nadar cinco quilômetros. Comece aos poucos, 30 a 40 minutos, aumentando progressivamente.

10. Acompanhamento profissional

Ter o auxílio de um professor de educação física evitará lesões ao fazer movimentos errados. Nada de começar a nadar sozinho. É preciso aprender as técnicas adequadas. O professor pode preparar um treino específico para a sua necessidade.

continue lendo
Telefones úteis