Fechar rede
Siga-nos
Governo do Estado do Rio de Janeiro
Menu
Home Busca Menu Redes
Seu filho
03/07/2017 Férias e festas caipiras: cuidados com as crianças devem ser redobrados

Balões, fogos de artifícios, fogueiras. Julho é sinônimo de festas caipiras e, para completar, os pequenos estão de férias. Isso significa que o cuidado deve ser redobrado para que se evitem acidentes, principalmente as queimaduras.

Férias e festas caipiras: cuidados com as crianças devem ser redobrados

A pele das crianças é mais fina e há uma camada de gordura menor que nos adultos. Portanto, as tornam mais frágeis, já que os órgãos ficam mais próximos da pele, o que pode agravar o ferimento.

Em casa as crianças devem ficar longe da cozinha e os cabos das panelas devem ser virados para a parte de dentro do fogão. As tomadas devem ser tapadas e os fios desencapados devem ser protegidos. Também é importante manter os materiais inflamáveis à distância das crianças ou até evitados. E mais: orientar as crianças a não soltarem pipas perto de fios de alta tensão.

Já nas festas caipiras, o uso incorreto de balões inflamáveis, fogueiras, caldos quentes e fogos de artifícios também causam queimaduras. Não é aconselhável fornecer esses materiais a menores e o ideal é manter as crianças longe das fogueiras. Há tanto com o que se brincar: pescarias, jogos de argolas, pula-pula etc.

Em caso de acidentes

Porém, se mesmo com tantos cuidados uma queimadura ocorrer, é importante não passar nada no local afetado. As crendices populares recomendam pasta de dentes, manteiga, clara de ovos. Mas jamais use essas receitas caseiras, pois elas podem piorar ainda mais a ferida.

O melhor a se fazer é lavar a região por 10 minutos em água corrente e buscar atendimento médico. Nada de estourar as bolhas, já que isso pode causar infecção.

continue lendo
Telefones úteis